O advento de um novo ciclo virtuoso de sobrevivência, onde a exploração dos recursos disponíveis seja compatível com o consumo adequado às necessidades presentes e futuras do ambiente natural ou construído pelo homem.