O Adm. Reinaldo Faissal, membro da Comissão Especial de Recursos Humanos do CRA-RJ, aborta o papel estratégico do setor de RH dentro das organizações. Para ele, é necessário que o profissional da Administração deste segmento esteja sempre com uma visão sistêmica para entender e lidar com as diferenças das pessoas, afim de que haja melhor aproveitamento de cada qualidade individual.

“Nós falamos que trabalhamos com pessoas, mas cada pessoa é um indivíduo e como indivíduo não somos iguais. Por mais regras, padrões de comportamento, rótulos, etc, que se queiram dar, nós sempre vamos ter, em cada grupo, um conjunto de indivíduos que vão agir por conta própria”, destaca durante sua participação no programa especial “Caminhos da Administração”.